Review – Achtung! Cthulhu Tactics

Um jogo baseado na mitologia de Lovecraft, mas sua mecânica assusta mais que o próprio tema

RPGs Táticos existem de monte por aí, um que redefiniu o gênero, e serve de grande referência mesmo depois de anos é o famoso XCOM. Muitos inovam e trazem novas mecânicas, outros bebem da fonte mas não consegue aproveitar muita coisa, esse é o caso de Achtung! Cthulhu Tactics, desenvolvido pela Auroch Digital, jogo decepciona fãs de Lovecraft e RPG tático ao mesmo tempo.

Os nazistas estão virando o jogo durante a Segunda Guerra Mundial por conta de um poder desconhecido e terrível, sendo assim, um grupo de heróis com conhecimentos místicos se unem aos Aliados e batem de frente para garantir a vitória. Tema que faz referência à muitos board games conhecidos como Elder Sign e Eldritch Horror. Diferente de muitos vindouros do gênero, Achtung! Cthulhu Tactics foca no combate dentro do mapa em si, não há muito planejamento ou manejamento dentro da base de operações, mas por ter esse foco, não quer dizer que o tático do jogo é bom.

Quando fora de combate, o esquadrão se move livremente de ponto a ponto sem custo de pontos de ação (AP). Uma vez que encontra com inimigos, o jogo entra em modo de combate, o familiar modo de turnos tático. Assim, cada personagem pode se mover para lados e lugares diferentes ao abordar certas estratégias. Isso ajuda a revelar inimigos fora da visão de outros personagens, o conhecido “Fog of War”. Este é um elemento que adiciona um pouco de tensão ao combate do jogo, o medo de não saber o que está por trás das sombras e quando que irá atacar. Um elemento que faz sentido, uma vez que aborda o famoso tema de H.P. Lovecraft.

Fora isso é igual a qualquer outro RPG tático, porcentagem de acerto nos tiros, Overwatch para vigiar uma área caso o inimigo passe e atirar no mesmo, armas, habilidades para cada membro e muito mais. Os personagens tem status psicológicos, elemento recorrente em jogos com este tema. Ao sofrer danos ou até mesmo ver uma criatura diferente pode deixar qualquer um em pânico e atirar sem o comando do jogador. O objetivo é cumprir as missões no mapa e ganhar pontos para conseguir ganhar mais movimentos e tiros durante seu turno.

Com o tempo, Achtung! Cthulhu Tactics perde seu brilho com uma mecânica lenta e cansativa. O design dos mapas são repetitivos, tanto as principais quanto secundárias. É interessante ver um jogo deste gênero focando nos personagens ao invés do controle da base ou coisa do tipo, mas não atinge um nível de importância para o jogador. Até mesmo a variação de inimigos é demorada para ocorrer, por ser um jogo “Lovecraftiano” é esperado criaturas grotescas ou coisas do tipo ao longo do jogo, mas chega a ser escasso e sem graça.

 

Achtung! Cthulhu Tactics é interessante de início por sua temática, gênero e tudo o que vem no pacote, mas peca muito na execução. Tem momentos que o jogo é injusto com o jogador e outros que é muito fácil, não há equilíbrio. A certo ponto no jogo não é possível avançar caso um dos personagens seja capturado pelos nazistas, assim tendo que concluir uma missão secundária para resgatá-lo. Algo que fica cansativo, por serem, na maioria das vezes, mapas muito parecidos.

Achtung! Cthulhu Tactics já está disponível para PC, Xbox One, PS4 e Nintendo Switch.

Otto

Um rapaz que fez do hobby um trabalho. Sempre interessado em aprender e conhecer mais. Gamer desde criança e aficionado por Board games. Altas madrugadas jogando e trabalhando incansavelmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *