Crítica – Rocketman

Elton John lava sua alma com musical biográfico

Filmes biográficos está em alta ultimamente e já foram muito explorados no passado, alguns se destacando, já outros não tão impressionantes. Rocketman surpreende com sua honestidade e fantasia unidas lado a lado, contando uma história narrada e cantada com um ótimo roteiro e atuações excelentes. Conheça a origem, queda e retorno do grande astro do pop mundialmente conhecido como Elton John.

O filme se inicia mostrando Elton (Taron Egerton) entrando em uma clínica de reabilitação e contando sua vida desde criança, a partir daí começamos a conhecer a vida dele e de que o filme se trata de um musical com suas próprias músicas.

Rocketman não mascara nada ao mostrar os trancos e barrancos que o artista fez e viveu, coisas que podem incomodar qualquer espectador despreparado. O longa é dividido em três atos, sua ascensão, sua queda e por fim recuperação.

Tudo muito bem escrito e intercalado com as músicas do próprio Elton John cantadas pelo próprio ator que faz o papel do artista. Em momentos muito precisos as músicas se encaixam e remetem à mensagem que está sendo mostrada naquela cena, recurso que lembra bastante o musical Across The Universe, filme que utiliza somente as músicas dos Beatles para sua narrativa.

Rocketman chega a causar um mix de sensações, podendo causar tristeza, ódio e conforto a qualquer momento pelas cenas e músicas presenciadas. Muitas outras celebridades são interpretadas e mencionadas durante toda a jornada do cantor, alguns que até causam um calorzinho no coração para quem é fã.

O figurino é algo que não pode ser deixado de lado, muito do vestuário que o ator usa em Rocketman foi baseado em fotos da época e refeitos para mostrar aqueles momentos com maior precisão possível. Assim como o visual de muitas outras pessoas que passaram pela vida do artista.

Rocketman é uma bela obra biográfica e musical, sem nenhum pudor, o longa mostra os altos e baixos que o artista viveu até sua recuperação da reabilitação. Com este filme, o próprio Elton John consegue se livrar dos seus pecados e mostrar que se arrepende do que fez e assim assumindo uma nova postura que conhecemos atualmente. A direção de arte do filme é incrível e vale muito a pena ver nas telonas por suas cores, figurinos e musicas.

Rocketman já está disponível em todos os cinemas.

Otto

Um rapaz que fez do hobby um trabalho. Sempre interessado em aprender e conhecer mais. Gamer desde criança e aficionado por Board games. Altas madrugadas jogando e trabalhando incansavelmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *